Honda anunció ayer una inversión de 430 millones de dólares para construir su segunda planta de producción de autos en Brasil.

Honda ya cuenta con una planta industrial en la ciudad de Sumaré, donde se producen los modelos Fit, City y Civic. A partir del año que viene, se sumará una SUV del segmento chico (leer más), con producción ya confirmada en México y que podría armarse también en Sumaré.

Esto implicará que la planta argentina de Campana aumente su producción y pase a ser la única de la región que fabrique el City.

La nueva planta brasileña se abocará de manera exclusiva a la fabricación de un auto chico de bajo costo (low-cost). Siguiendo los pasos de Toyota, que construyó una planta en Sorocaba para fabricar sólo el Etios, el establecimiento de Honda se concentraría en la producción de un modelo inédito.

Tomará componentes de los Fit/City, pero también de los Brio y Amaze (foto de arriba) comercializados en Asia.

Se trata de un hatchback y un sedán del segmento A (citycar), desarrollado para los llamados "mercados emergentes". Actualmente se produce en India y Tailandia.

Para Brasil, sin embargo, se tomarían algunos componentes estructurales de este proyecto, pero se desarrollará una versión local para aumentar el espacio en las plazas traseras y el baúl.

Volkswagen siguió un camino similar con el low-cost que lanzará a fin de año en Brasil, el Up! La marca alemana modificó el diseño del citycar europeo para agrandar el espacio interior.

***

Comunicado de prensa de Honda Brasil Honda construirá nova fábrica de automóveis no Brasil

SÁƒO PAULO, Brasil, 7 de agosto de 2013 – A Honda Automóveis do Brasil Ltda. (HAB) construirá uma nova fábrica de automóveis no país, com capacidade para produzir 120 mil carros por ano. O início das operações da nova planta está planejado para 2015.

A nova unidade produtiva será construída na cidade de Itirapina, no interior do Estado de São Paulo, localizada a aproximadamente 200km da capital e 100km da outra fábrica de automóveis da marca, em Sumaré.

Incluindo a aquisição de um terreno de 5,8 milhões de m2, compra de equipamentos e construção das instalações, o investimento total no novo projeto será de aproximadamente R$ 1 bilhão. Na nova fábrica, que empregará aproximadamente 2.000 funcionários, deverá ser produzido um veículo compacto, da categoria do Honda Fit, considerando a forte demanda neste segmento.

Assim como em todos os negócios da Honda ao redor do mundo, a preocupação com os aspectos e impactos ambientais também será foco desta nova unidade. Serão aplicadas as mais recentes tecnologias em processos produtivos, de maneira a reduzir ao máximo a emissões de poluentes. Um exemplo é o novo processo de pintura a base d’água que será adotado para que, com o uso de menor quantidade de tinta e, consequentemente, menor emissão de poluentes, seja possível obter a mesma qualidade.

Com a nova fábrica, a HAB dobrará sua capacidade produtiva no país, partindo de 120 mil (capacidade atual da unidade de Sumaré) para 240 mil automóveis por ano a partir de 2015. Além disso, com o objetivo de fortalecer o desenvolvimento de produtos que atendam às necessidades dos consumidores brasileiros e a nacionalização de componentes, até o final do ano a Honda iniciará as operações de um novo Centro de Pesquisa e Desenvolvimento de Automóveis, nas dependências da fábrica de Sumaré.

Ao dobrar a capacidade produtiva e acelerar o desenvolvimento de automóveis no Brasil, a empresa fortalecerá ainda mais a sua linha de veículos produzidos e comercializados no país.

“Sendo o quarto maior mercado de automóveis do mundo, o Brasil é uma região muito importante para as operações da Honda. Com a expansão da capacidade, o nosso objetivo é ganhar competitividade e oferecer produtos cada vez mais atrativos, que excedam as expectativas dos consumidores brasileiros”, diz o Presidente da Honda South America e da Honda Automóveis do Brasil, Masahiro Takedagawa.

Segundo o ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Fernando Pimentel, “Esse novo investimento é a demonstração clara da confiança da Honda no Brasil, onde atua há 42 anos, e do vigor da nossa indústria automotiva, que ganhou novo impulso com o Inovar-Auto. Com esse anúncio, o investimento anunciado pelo setor até 2014 alcança R$ 7 bilhões”.

"Para o Estado de São Paulo, é uma grande notícia a instalação de uma segunda fábrica da Honda. O anúncio da nova instalação em Itirapina significa a perspectiva de avanço tecnológico, agregação de valor e geração de milhares de empregos, diretos e indiretos. A Honda é um gigante da indústria automobilística que tem a marca forte da inovação, inclusive do ponto de vista ambiental. A ampliação de suas atividades aqui comprova que a excelência da infraestrutura de logística e transportes e a qualificação da mão de obra paulista fazem toda a diferença para quem vem investir no Brasil, assim como o excelente trabalho de apoio da agência Investe SP, que tem justamente a missão de ser uma parceira das empresas que escolhem atuar em nosso Estado", destaca o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin.

Com a nova unidade, o investimento acumulado na HAB no Brasil, desde o início da produção nacional de automóveis, em 1997, atingirá aproximadamente R$ 3,5 bilhões. Somando-se ainda o investimento acumulado desde o início da atuação da marca no segmento de motocicletas, em 1971, o valor investido pela Honda no país ultrapassará R$ 7,2 bilhões.

Enviá tu noticia a novedades@motor1.com